- 00:00:00

Presença de militares aumenta em 30 órgãos federais no governo Bolsonaro

Pelo menos 325 postos foram preenchidos por militares, da ativa e da reserva, na administração federal. Essa foi a quantidade de militares incorporados ao governo durante os primeiros nove meses na presidência de Jair Bolsonaro, de acordo com levantamento feito pelo jornal Folha de S. Paulo publicado nesta segunda-feira (14).
Foto: Sérgio Lima/Poder360
O presidente, o vice Hamilton Mourão e oito dos 22 ministros são militares. Com o acréscimo de 325 novos postos ocupados por militares, cerca de 2.500 militares estão agora em cargos de chefia e assessoramento na gestão bolsonarista.

A pesquisa foi feita a partir de pedidos de Lei de Acesso à Informação a mais de 100 órgãos federais. Ela constatou a ampliação da presença de militares em pelo menos 30 órgãos, e redução em quatro, na comparação com a quantidade no governo de Michel Temer.

O Gabinete de Segurança Institucional passou de 943 para 1.061. Já a vice-presidente teve salto de 3 para 65 militares. O Ministério da Justiça, comandado por Sergio Moro, subiu de 16 para 28.

om informações do Poder360.